OBRIGADA PELA VISITA!

OI PESSOAL VOU DEIXAR O MEU EMAIL (MARREIRA40@GMAIL.COM) PARA TODOS QUE QUEIRA MANDAR CONTEÚDO PARA SER DIVULGADO NO BLOG .
POR QUE ESSE BLOG FOI FEITO PARA TODOS OS ESTUDANTES. ELE E NOSSO. VAMOS COMPARTILHAR NOSSAS IDÉIAS E DICAS. SOU ESTUDANTE COMO VCS.



Total de visualizações de página

Seguidores

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

EXERCÍCIOS DE REGÊNCIA COM GABARITO COMENTADO



 NÃO ADIE MAIS. COMECE AGORA E VEJA-SE COMO UMA PESSOA DE SUCESSO.


           1 - TEORIA DE REGÊNCIA

           2- TEORIA

REGÊNCIA VERBAL 
______________________________________________
Primeira Parte

CLIQUE AQUI VÍDEO AULA DE REGÊNCIA

70 EXERCÍCIOS DE REGÊNCIA

FAÇA OS EXERCÍCIOS PRIMEIRO DEPOIS VEJA O GABARITO COMENTADO......
Os exercícios de Regência Verbal, devido a grande quantidade, estão divididos em duas partes. Ao final destes, vocês encontrarão os meios para acessar os demais.

No caso de dúvida consulte: (clique no link)

Rasure a Concordância Incorreta. Exemplo:
 O caçador visou [o / ao] alvo.
Esquecer / Lembrar admitem duas construções:
1ª. Se usá-los com a preposição [de], use-os com pronome,obrigatoriamenteEsqueci-me do seu nome.
   Você se lembra do dia do meu aniversário?
2ª. Se quiser usá-los, sem a preposição, não use o pronome:
   Você lembra o dia do meu aniversário? / Esqueci seu nome
01. [Esqueci / Esqueci-me] todo o dinheiro em casa.

 R. Esqueci todo o dinheiro em casa. (sem prep.)


02. [Esqueci-me / Esqueci] de todo o dinheiro em casa.

R. Esqueci-me de todo o dinheiro em casa. (com prep.)

03. Não [esquecerei / me esquecerei] de você, Cláudia.

R. Não me esquecerei de você, Cláudia.


Morar e Residir são verbos TI. Use-os com a preposição [em]:
    Moro na (em + a) Rua Minas Gerais. Ela reside na Alameda Itu.
Lembre-se: moramos, residimos em algum lugar, e não a algum lugar.
04. Eles moram [à / na] Rua Dias Ferreira.

R. Eles moram na Rua Dias Ferreira (more em algum lugar).




Aspirar (= desejar, pretender) é TI. Use-o com a preposição [a]:
   Nunca aspirei a esse cargo. / O rapaz aspira a uma promoção.

Aspirar (= inalar, sorver, tragar, absorver) é TDAspirou o ar cálido.
   Há máquinas que aspiram o pó do assoalho.
Importante: Se for usar um pronome,
 use apenas a ele(s); a ela(s),  e não lhe, lhes:
 O cargo ficou vago, mas não aspiro a ele. (e não: lhe aspiro)
05. O cargo está vago, mas não [lhe aspiro / aspiro a ele].

R. O cargo está vago, mas não aspiro a ele..



Assistir (= socorrer, ajudar) é TD. Use-o sem preposição:

   O médico assiste o doente. /
 Enfermeiras assistiam as vítimas.

Assistir (= presenciar, estar presente a, ver, caber) é TI.
 Use-o com a preposição [a]: Por que não assiste às aulas?

   Assiste ao prefeito o dever de resolver esse problema.
A exemplo de aspirar, o verbo assistir não aceita [lhe] nem [lhes].


06. Todos em casa assistem [telenovelas / a telenovelas].

R. Todos em casa assistem a telenovelas. (TI)

07. Trata-se de um direito que assiste [o / ao] presidente. 

R.Trata-se de um direito que assiste (cabe) ao presidente. (TI)

08. Ópera é gratuita, mas ninguém quis [assisti-la / assistir a ela].

R. A ópera é gratuita, mas ninguém quis assistir a ela. (TI)



Aspirar (= desejar, pretender) é TI. Use-o com a preposição [a]:
   Nunca aspirei a esse cargo. / O rapaz aspira a uma promoção.
Aspirar (= inalar, sorver, tragar, absorver) é TDAspirou o ar cálido.
   Há máquinas que aspiram o pó do assoalho.
Importante: Se for usar um pronome, use apenas a ele(s); a ela(s), e não lhe, lhes: O cargo ficou vago, mas não aspiro a ele. (e não: lhe aspiro)


09. A empregada aspirou [o pó / ao pó] do tapete.

 R. A empregada aspirou (inalou) o pó do tapete. (TD)



Pagar e Perdoar é TI para pessoas, e TD para coisas:
   Paulo pagou a consulta amédico.
   Deus perdoa os pecados. Deus perdoa aos pecadores.
Observação: Frases há que só apresentam o objeto direto de coisa ou só o objeto indireto de pessoa:
 Vou pagar adentista. Vou pagar minhas despesas.


10. Você já pagou [o / ao] dentista e [o / ao] médico.

R.  Você já pagou ao dentista e ao médico. (pessoa). (TI)

11. O pai ainda não perdoou [a / à] filha.

R. O pai ainda não perdoou à filha (pessoa). (TI)


Chegar, Ir, Vir, Sair, Voltar, Subir e todos os verbos de movimento são intransitivos, não exigem complementos (Chegamos! Cheguei! Fui!). Esses verbos, geralmente, apresentam um adjunto adverbial. Quando o adjunto adverbial for de lugar, usa-se a preposição [a], [para] e não [em]:Chegamos ao teatro (e não: no).
   Fui ao Maracanã (e não: no). / Ele foi para a Espanha.
Na norma culta, a preposição [em] depois do verbo de movimento, indica o lugar dentro do qual ocorre a ação: O menino ia no bonde (dentro do bonde).




12. Domingo não saí [na / à] rua, só [no / ao] terraço.
R. Domingo não saí à rua, só ao terraço.



Pagar e Perdoar é TI para pessoas, e TD para coisas:
   Paulo pagou a consulta amédico.
   Deus perdoa os pecados. Deus perdoa aos pecadores.
Observação: Frases há que só apresentam o objeto direto de coisa ou só o objeto indireto de pessoa:
 Vou pagar adentista. Vou pagar minhas despesas.




13. O Estado paga muito mal [os / aos] professores.

R. O Estado paga muito mal aos professores (pessoa).


Esquecer / Lembrar admitem duas construções:
1ª. Se usá-los com a preposição [de], use-os com pronome,obrigatoriamenteEsqueci-me do seu nome.
   Você se lembra do dia do meu aniversário?
2ª. Se quiser usá-los, sem a preposição, não use o pronome:
   Você lembra o dia do meu aniversário? / Esqueci seu nome

14. Você [se lembra / lembra] de mim.

R. Você se lembra de mim.


Chegar, Ir, Vir, Sair, Voltar, Subir e todos os verbos de movimento são intransitivos, não exigem complementos (Chegamos! Cheguei! Fui!). Esses verbos, geralmente, apresentam um adjunto adverbial. Quando o adjunto adverbial for de lugar, usa-se a preposição [a], [para] e não [em]:Chegamos ao teatro (e não: no).
   Fui ao Maracanã (e não: no). / Ele foi para a Espanha.
Na norma culta, a preposição [em] depois do verbo de movimento, indica o lugar dentro do qual ocorre a ação: O menino ia no bonde (dentro do bonde).




15. Aos domingos meu pai vai [ao / no] maracanã.

R. Aos domingos meu pai vai ao maracanã.
Namorar é TD. Não use com a preposição [com]:
   Namoro você faz tempo. (e não: namoro com)
   Quer me namorar? (e não: Quer namorar comigo?)
Esse verbo possui os significados de inspirar amor a, galantear, cortejar, apaixonar, seduzir, atrair, olhar com insistência, com cobiça e cobiçar:
   O mendigo namorava a torta que estava sobre a mesa.
   Eu estava namorando este cargo há anos.


16. Nunca namorei [com essa / essa] garota.

R. Nunca namorei essa garota (nunca com).

17. Só namoro [com gente / gente] fina.

R. Só namoro gente fina.


O verbo "Preferir" é um verbo Bitransitivo, ou seja, é Transitivo Direto e Indireto, sempre exigindo a preposição (preferir alguma coisa a outra):

  • O homem preferiu a morte à fome.
  • Alanna preferia a matemática à química.
Obs.: Não se deve usar o verbo "Preferir" com a locução conjuntiva do que nem com o advérbio mais:
  • Prefiro morrer a passar fome. (e não Prefiro morrer do que passar fome.)
  • Prefiro suco de laranja. (e não Prefiro mais suco de laranja.)

18. Prefiro ser prejudicado [do que / a] prejudicar os outros.
R. Prefiro ser prejudicado a prejudicar os outros (nunca do que).

19. Prefiro a companhia de Paulo [que a / a] de Joaquim.
R. Prefiro a companhia de Paulo a de Joaquim.

20. Prefiro crítica sincera [do que / a] elogios exagerados.

R. Prefiro crítica sincera a elogios exagerados.


Esquecer / Lembrar admitem duas construções:
1ª. Se usá-los com a preposição [de], use-os com pronome,obrigatoriamenteEsqueci-me do seu nome.
   Você se lembra do dia do meu aniversário?
2ª. Se quiser usá-los, sem a preposição, não use o pronome:
   Você lembra o dia do meu aniversário? / Esqueci seu nome


21. [Esqueci / Esqueci-me] meu caderno de anotações.
R. Esqueci meu caderno de anotações.

22. [Esqueci / Esqueci-me] da promessa.
R. Esqueci-me da promessa.

23. Ainda [lembro / me lembro] da casa que morávamos.
R. Ainda me lembro da casa que morávamos.



Morar e Residir são verbos TI. Use-os com a preposição [em]:
    Moro na (em + a) Rua Minas Gerais. Ela reside na Alameda Itu.
Lembre-se: moramos, residimos em algum lugar, e não a algum lugar.

24. Morávamos [à / na] Praça Verde.
R. Morávamos na Praça Verde (mora-se em).

Pagar e Perdoar é TI para pessoas, e TD para coisas:
   Paulo pagou a consulta amédico.
   Deus perdoa os pecados. Deus perdoa aos pecadores.
Observação: Frases há que só apresentam o objeto direto de coisa ou só o objeto indireto de pessoa:
 Vou pagar adentista. Vou pagar minhas despesas.
25. Deus perdoe [aos /os] nossos pecados.
R. Deus perdoe os nossos pecados (coisa).

26. Pagou [à /a] dívida.
R. Pagou a dívida (coisa).


-Simpatizar/ antipatizar – exigem a preposição “com”.
Exemplos: Simpatizo com Lúcio. 
Antipatizo com meu professor de História.

Dicas:
Estes verbos não são pronominais, portanto, determinadas construções são consideradas erradas quando tais verbos aparecem acompanhados de pronome oblíquo.
Exemplos:
Simpatizo-me com Lúcio.
Antipatizo-me com meu professor de História.
27. Sempre antipatizei [com todos / a todos].
R. Sempre antipatizei com todos (sempre com).


 Obedecer/desobedecer –
 
exigem a preposição “a”.
Exemplos:
As crianças obedecem aos pais.
O aluno desobedeceu ao professor.

28. Eles obedeciam [os / aos] estatutos?
R. Eles obedeciam aos estatutos?


 Preferir - este verbo exige dois complementos,
 sendo que um é usado sem preposição, e o outro com a preposição “a”.


Ex.: Prefiro dançar a fazer ginástica.

Dicas:  Segundo a linguagem formal, é errado usar este verbo reforçado pelas expressões ou palavras: antes, mais, muito mais, mil vezes mais, etc.

Ex.: Prefiro mil vezes dançar a fazer ginástica.

Verbos que apresentam mais de uma regência

29. Preferia [mais o / o] campo [do que a / a] cidade.
R.  Preferia o campo a cidade




 Obedecer/desobedecer –
 
exigem a preposição “a”.
Exemplos:
As crianças obedecem aos pais.
O aluno desobedeceu ao professor. 

30. Os corpos obedecem [leis / às leis] da gravidade.
R. Os corpos obedecem às leis da gravidade.


                                   Esquecer/lembrar

a - Quando não forem pronominais: 
são usados sem preposição. 
Ex.: Esqueci o nome dela.

b - Quando forem pronominais: são regidos pela preposição “de”.
Ex.: Lembrei-me do nome de todos.
31. Meu pai [esqueceu / se esqueceu] de ir à reunião.

R. Meu pai se esqueceu de ir à reunião.

32. [Lembrou / Lembrou-se] de que era feriado.
R. Lembrou-se de que era feriado.
-Simpatizar/ antipatizar – exigem a preposição “com”.
Exemplos: Simpatizo com Lúcio. 
Antipatizo com meu professor de História.

Dicas:
Estes verbos não são pronominais, portanto, determinadas construções são consideradas erradas quando tais verbos aparecem acompanhados de pronome oblíquo.
Exemplos:
Simpatizo-me com Lúcio.
Antipatizo-me com meu professor de História.



33. Por que não [simpatizas / simpatizas com] o diretor?
R. Por que não simpatizas com o diretor?

 Obedecer/desobedecer –
 
exigem a preposição “a”.
Exemplos:
As crianças obedecem aos pais.
O aluno desobedeceu ao professor. 



34. Obedeça [o / ao] regulamento.
R. Obedeça ao regulamento.
Aspirar (= desejar, pretender) é TI. Use-o com a preposição [a]:
   Nunca aspirei a esse cargo. / O rapaz aspira a uma promoção.
Aspirar (= inalar, sorver, tragar, absorver) é TDAspirou o ar cálido.
   Há máquinas que aspiram o pó do assoalho.
Importante: Se for usar um pronome, use apenas a ele(s); a ela(s), e não lhe, lhes: O cargo ficou vago, mas não aspiro a ele. (e não: lhe aspiro)
35. Aspire [o / ao] ar da manhã.
R. Aspire o ar da manhã (inalar).

36. Ele aspira [o / ao] sucesso.
R. Ele aspira ao sucesso (deseja).


 Assistir (= socorrer, ajudar) é TD.

 Use-o sem preposição:

   O médico assiste o doente. / Enfermeiras assistiam as vítimas.
Assistir (= presenciar, estar presente a, ver, caber) é TI.
 Use-o com a preposição [a]: Por que não assiste às aulas?
   Assiste ao prefeito o dever de resolver esse problema.
A exemplo de aspirar, o verbo assistir não aceita [lhe] nem [lhes].
37. Ele assistiu [o / ao] jogo.
R. Ele assistiu ao jogo (presenciar).

PAREI AQUI
38. O médico assiste [o / ao] ferido.
39. O garotinho respondeu [ao / o] pai.
40. Você já respondeu [ao / o] questionário?
41. O ataque visava [o / ao] quartel general.
42. Chegou [na / à] fazenda de tardezinha.
43. O padre perdoou [o / ao] rapaz, mas não perdoou [a / à] garota.
44. O cônsul já visou [o / ao] passaporte.
45. Hilário ajudava [ao / o] pai no escritório.
46. O filme é bom, pois muitos [lhe assistiram / assistiram a ele].
47. Os alunos serão chamados [ao / no] quadro.
48. Atendendo [o / ao] pedido de V.S.a [...].
49. Já atendemos [as / às] justas reclamações do povo.
50. O ministro atendeu [o / ao] requerente.
51. Deus não atendeu [a / à] oração do pecador.
52. Para agradar [o / ao] pai, ficou em casa.
53. As medidas nunca agradam [ao / o] povo.
54. Eu lhe perdoo todas [as / às] agressões.
55. O caçador visou [o / ao] alvo e atirou.
56. Respondi [ao / o] bilhete imediatamente.
57. Paguei [a / à] conta.
58. Perdoei [ao / o] inimigo.
59. Foi preso porque não pagou [o / ao] advogado.
60. O ar [que / a que] aspiramos estava contaminado.
61. O cargo [que / a que] aspira não está vago.
62. [Que / A que] pessoa assiste tomar tal decisão?
63. Perdoamos [àquela / aquela] antiga dívida.
64. Prefere [mais sair / sair] [do que ficar / a ficar].
65. O escritório situa-se [à / na] Praça Tiradentes.
66. Obedeçam [os / aos] sinais de trânsito.
67. Ele [se simpatizava / simpatizava] com Fernanda.
68. [Paguei o / Paguei ao] quitandeiro.
69. [Perdoei as / Perdoei às] crianças.
70. Preferiu [sair do que / sair a] ser humilhado. ®Sérgio.
Para ter acesso ao Gabarito dos Exercícios, clique AQUI!
Tópicos Relacionados (clique no Link):


38. O médico assiste o ferido (ajudar).
39. O garotinho respondeu o pai (resposta mal-educada).
40. Você já respondeu ao questionário?
41. O ataque visava quartel general.
42. Chegou à fazenda de tardezinha.
43.  O padre não perdoou à garota.
44. O cônsul já visou (deu visto) o passaporte.
45. Hilário ajudava (alguém) o pai no escritório.
46. O filme é bom, pois muitos assistiram a ele.
47. Os alunos serão chamados (convocados) ao quadro.
48. Atendendo ao pedido de V.S.a [...] (atender pedido).
49. Já atendemos às justas reclamações do povo.
50. O ministro atendeu o requerente (atender alguém).
51. Deus não atendeu a oração do pecador.
52. Para agradar (satisfazer) ao pai, ficou em casa.
53. As medidas nunca agradam ao povo.
54. Eu lhe perdoo todas as agressões.
55. O caçador visou o alvo e atirou.
56. Respondi ao bilhete imediatamente.
57. Paguei a conta.
58. Perdoei ao inimigo.
59. Foi preso porque não pagou ao advogado.
60. O ar que aspiramos estava contaminado.
61. O cargo a que aspira não está vago.
62. A que pessoa assiste tomar tal decisão?
63. Perdoamos aquela antiga dívida.
64. Prefere sair ficar.
65. O escritório situa-se na Praça Tiradentes.
66. Obedeçam aos sinais de trânsito.
67. Ele simpatizava com Fernanda.
68. Paguei ao quitandeiro.
69. Perdoei às crianças.
70. Preferiu sair a ser humilhado. ®Sérgio




REGÊNCIA VERBAL - 47 EXERCÍCIOS
____________________________
Segunda Parte
Os exercícios de Regência Verbal, devido a grande quantidade, estão divididos em duas partes. Ao final destes, vocês encontrarão os meios para acessar os demais.
No caso de dúvida consulte: (clique no link)
Rasure a Concordância Incorreta: O caçador visou [o / ao] alvo.
01. É preferível morrer [do que ser / a ser] desonrado.
02. Naquele tempo João [namorava com / namorava] Maria.
03. Aos domingos nós [vamos no / vamos ao] cinema.
04. Pedro [ajuda o / ajuda ao] pai na oficina.
05. Para agradar [ao / o] pai, estudou com afinco.
06. Ansiamos [por dias / dias] melhores.
07. Atenderam [ao / o] meu pedido prontamente.
08. Respondi [ao / o] bilhete prontamente.
09. Chegamos [a / em] São Paulo pela manhã.
10. A noiva chegou [à / na] igreja às 18 horas.
11. Não queria [os / aos] pais.
12. A criança queria [o / ao] sorvete de qualquer maneira.
13. A rasura implica [à / a] anulação do documento.
14. Para [agradar ao / agradar o] pai, ficou em casa naquele dia.
15. [Aspiro o / Aspiro ao] ar fresco de Rio de Contas.
16. Ele [aspira à / aspira a] carreira de jogador de futebol.
17. Ela [aspirou o / aspirou ao] aroma das flores.
18. [Assistimos a / Assistimos] um bom filme.
19. O gerente do banco [visou o / visou ao] cheque.
20. Não se [esqueça / esqueça de] que todos somos falíveis.
21. Custa-lhe [obedecer ao / obedecer o] regulamento do colégio?
22. Há tempo que [anseio / anseio por] falar com você.
23. O filme não [agradou o / agradou ao] público.
24. O filme [desagradou o / desagradou ao] público.
25. A mãe [agradou o / agradou ao] filho com balas.
26. A empresa não [paga aos / paga os] funcionários.
27. Toda mãe [quer / quer a] seus filhos.
28. Casamento [implica / implica em] muita responsabilidade.
29. A reforma agrária [implica / implica com] nova mentalidade.
30. Não é bom [implicar / implicar com] os filhos.
31. Os trabalhadores [almejam / almejam a] altos postos.
32. Tuas anedotas nunca [agradam os / agradam aos] ouvintes.
33. Só então [advertiu / advertiu em] que era tarde.
34. [Agradecemos / Agradecemos a] V.Sa. o convite.
35. D. Pedro II [abdicou o / abdicou ao] império.
36. O prefeito não [abdica / abdica de] sua autoridade.
37. A loja [agrada / agrada a] seus fregueses com promoções.
38. O espetáculo não [agradou o / agradou ao] público.
39. O jogo está [agradando o / agradando ao] torcedor.
40. Ele [anseia / anseia por] uma carreira melhor.
41. A empresa [atingiu as / atingiu às] metas desejadas.
42. [Obrigou-se a / Obrigou-se] fazer ginástica diariamente.
43. Sempre [simpatizei / simpatizei com] Eleonora.
44. Mas [antipatizo / antipatizo com] o irmão dela.
45. Não visamos [à derrota / a derrota], mas a vitória.
46. Sempre [visei a / visei] uma vida melhor.
47. Estamos [torcendo por / torcendo para] você. ®Sérgio.
Para ter acesso ao Gabarito dos Exercícios, clique AQUI.
Tópicos Relacionados (clique no Link):

REGÊNCIA VERBAL - 47  GABARITO
________________________________________________________
Da Segunda Parte

01. É preferível morrer ser desonrado.
02. Naquele tempo João namorava Maria.
03. Aos domingos nós vamos ao cinema.
04. Pedro ajuda o pai na oficina.
05. Para agradar o pai, estudou com afinco.
06. Ansiamos por dias melhores.
07. Atenderam ao meu pedido prontamente.
08. Respondi ao bilhete prontamente.
09. Chegamos a São Paulo pela manhã.
10. A noiva chegou à igreja às 18 horas.
11. Não queria (= estimar TI) aos pais.
12. A criança queria o sorvete de qualquer maneira.
13. A rasura implica a anulação do documento.
14. Para agradar o pai, ficou em casa naquele dia.
15. Aspiro o ar fresco de Rio de Contas.
16. Ele aspira à carreira de jogador de futebol.
17. Ela aspirou o aroma das flores.
18. Assistimos a um bom filme.
19. O gerente do banco visou o cheque.
20. Não se esqueça de que todos somos falíveis.
21. Custa-lhe obedecer ao regulamento do colégio?
22. Há tempo que anseio por falar com você.
23. O filme não agradou ao público.
24. O filme desagradou ao público.
25. A mãe agradou o filho com balas.
26. A empresa não paga aos funcionários.
27. Toda mãe quer a seus filhos.
28. Casamento implica (acarreta) muita responsabilidade.
29. A reforma agrária implica nova mentalidade.
30. Não é bom implicar com os filhos.
31. Os trabalhadores almejam altos postos.
32. Tuas anedotas nunca agradam aos ouvintes.
33. Só então advertiu que era tarde.
34. Agradecemos a V.Sa. o convite.
35. D. Pedro II abdicou o império.
36. O prefeito não abdica ou abdica de sua autoridade.
37. A loja agrada seus fregueses com promoções.
38. O espetáculo não agradou ao público.
39. O jogo está agradando ao torcedor.
40. Ele anseia por uma carreira melhor.
41. A empresa atingiu as metas desejadas.
42. Obrigou-se a fazer ginástica diariamente.
43. Sempre simpatizei com Eleonora.
44. Mas antipatizo com o irmão dela.
45. Não visamos à derrota, mas a vitória.
46. Sempre visei a uma vida melhor.
47. Estamos torcendo por você. ®Sérgio.
____________________